Lory Silveira - Cirurgiã

Procedimentos

MAMOPLASTIA


As mamas femininas sofrem alterações em seus formatos, com o passar dos anos, devido ao processo natural de envelhecimento e algumas influências externas como amamentação, grandes oscilações de peso e gravidez, chamada de ptose mamária.

A cirurgia para correção de mamas é a mastopexia, onde praticamente não é retirado nenhum tecido mamário, apenas se remodela o tecido já existente para deixar a mama com uma aparência mais jovem.

A mastopexia pode ser associada a mamoplastia de aumento e/ou a mamoplastia redutora. A paciente deve decidir por ela mesma, pois sua visão do próprio corpo é única e exclusiva, mas cabe ao cirurgião esclarecer suas dúvidas e indicar as possíveis técnicas.

As cicatrizes dependem da técnica utilizada - que é indicada pelo cirurgião levando em conta o tamanho e formato da mama, o tipo de pele, o tamanho desejado e os fatores de cicatrização próprios de cada paciente que devem ser acompanhadas e, se preciso, tratada pelo cirurgião.

A cirurgia deve ser realizada em centro cirúrgico com equipamentos adequados e equipe especializada, escolhidos pelo cirurgião. O tipo de anestesia pode ser local com sedação, raqui, peridural ou geral e deve ser escolhida pelo anestesista de comum acordo com a paciente. Logo após a alta hospitalar, o paciente precisará de auxílio nos primeiros dias para se movimentar, se alimentar e fazer suas higienes pessoais.

Se houver uma gravidez após a cirurgia, provavelmente a paciente perderá o resultado devido ao aumento da mama e posterior diminuição da mesma, além de ficar prejudicada a amamentação, por isso, a paciente deve estar ciente disto, antes da cirurgia.

Além da técnica utilizada, o sucesso da cirurgia depende dos cuidados pós-operatórios, que devem ser orientados pelo médico e seguidos pelo paciente, respeitando o período de repouso, que geralmente é em torno de 20 dias, podendo se estender de acordo com a cirurgia realizada. O uso de sutiã específico, medicações nos horários certos e a comunicação com o médico, em caso de intercorrências ou dúvidas, é muito importante nesta fase.